Indução preguiçosa

Definição:

A conclusão apropriada de um argumento indutivo é negada apesar das evidências em contrário.

Exemplos

  • Hugo teve doze acidentes nos últimos seis meses, mas ele insiste que é apenas uma coincidência e não sua culpa (indutivamente, as provas são contundentes de que a culpa é dele. Este exemplo foi retirado de Barker, p. 189).
  • Pesquisa após pesquisa mostra que o NDP ganhará menos de dez lugares no Parlamento. No entanto, o líder do Partido insiste em que o partido está fazendo muito melhor do que as sondagens sugerem (o NDP na verdade tem nove assentos).

Prova

Tudo o que você pode fazer nesse caso, é apontar para as evidências.

Referências

Barker: 189


« AnteriorPróximo »Índice do Guia

Guia de Falácias Lógicas de Stephen Downes

Fonte: Stephen Downes Guide to the Logical Fallacies – Norm Jenson’s Mirror
Tradução, adaptação e notas: Maurício Sauerbronn de Moura

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s