Autoridade anônima

Definição:

A autoridade em questão não é nomeada. Este é um tipo de apelo à autoridade porque quando a autoridade não é nomeada é impossível confirmar que a autoridade é um especialista. No entanto, a falácia é tão comum que merece uma menção especial.

Uma variante desta falácia é o apelo ao rumor. Como a fonte de um rumor normalmente não é conhecida, não é possível determinar se pode-se acreditar no rumor. Muitas vezes, rumores falsos e caluniosos são começam deliberadamente a fim de desacreditar o oponente.

Exemplos

  • Um funcionário do governo disse hoje que será proposta a nova lei de armas amanhã.
  • Os especialistas concordam que a melhor maneira de prevenir uma guerra nuclear é estar preparado para ela.
  • Afirma-se que mais de dois milhões de operações desnecessárias são realizadas a cada ano.
  • Rumores dizem que o Primeiro-Ministro vai decretar outro feriado em outubro.

Prova

Argumente que, já que não sabemos a fonte da informação, não temos maneira de avaliar a confiabilidade dessa informação.

Referências

Davis: 73


« AnteriorPróximo »Índice do Guia

Guia de Falácias Lógicas de Stephen Downes

Fonte: Stephen Downes Guide to the Logical Fallacies – Norm Jenson’s Mirror
Tradução, adaptação e notas: Maurício Sauerbronn de Moura

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s