Abelard, Peter (1080-1142)

O mais estudado e, de longe, o mestre mais brilhante na Europa cristã no século XII. Ele era “o ídolo de Paris”, trovador, bem como filósofo, até que um cânone da catedral castrou-o por ter um caso com sua sobrinha Heloísa. Isto envenenou sua disposição, isso o levou ao absurdo de chamar suas cartas a Heloísa de “cartas de amor”, mas seu ensino ainda era tão livre que ele foi duas vezes oficialmente condenado pela Igreja (1121 e 1141).

Seu primeiro princípio foi que “a razão precede a fé”. Compare as datas com o parágrafo anterior. O esplendor cultural de Espanha tinha apenas despertado a França da Idade das Trevas.


« Abd-Er-Rahman IIIAckermann, Louise Victorine »Índice

Um dicionário biográfico dos livres pensadores antigos, medievais e modernos – Joseph McCabe

Fonte: The Secular Web
Tradução, adaptação e notas: Maurício Sauerbronn de Moura

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s